Só o primeiro passo é que custa


Só o primeiro passo é que custa. Mas, depois de dado o primeiro passo, o segundo é o primeiro depois desse. É bom reparar nisto e não dar passos nenhums... Todos custam.

Se fôssemos sonhadores perfeitos não precisaríamos do mundo real para nada, nem lhe sentiríamos o peso.

Mas quer queiramos quer não, (...)

Convém por isso fixarmo-nos em admirar certas coisas do mundo exterior — as paisagens, as cidades e o dinheiro.

A Divina Inveja — Invejar.


Título: Só o primeiro passo é que custa
Heterónimo: Vicente Guedes
Número: 247
Página: 214
Nota: [27(23)-86r, ms.];;


Edições Virtuais