É sempre um prazer ver um espirito


É sempre um prazer ver um espirito
        não ser hospede e peregrino na especula-
ção metaphysica, que, se bem que esteril, o é como
os symbolos e os prophetas, originaes [ileg.]
          como as causas finais em para
Bacon.

Dá sempre alegria vêr em casa uma
abstracção em homens que estudam o concreto,
vêr absurdamente theorias


Identificação: bn-acpc-e-e3-133c-1-100_0169_82-R0150
Heterónimo: Não atribuído
Formato: Folha (19.2cm X 14.0cm)
Material: Papel
Colunas: 1
LdoD Mark: Sem marca LdoD
Manuscrito (pencil) : Testemunho manuscrito a lápis.
Nota: , Texto escrito no recto de uma folha. Apenas Teresa Sobral Cunha inclui este texto no corpus do "Livro do Desassossego".
Fac-símiles: BNP/E3, 133C-82r.1
Testemunhos

Edições dos Peritos


Edições Virtuais