Omar Khayyam | Omar tinha uma personalidade


Omar Khayyam.


Omar tinha uma personalidade; eu, feliz ou infeliz-
mente, não tenho nenhuma. Do que sou numa hora na hora seguinte
me separo; do que fui num dia no dia seguinte me esqueci. Quem,
como Omar, é quem é, vive num só mundo, que é o externo; quem,
como eu, não é quem é vive não só no mundo externo, mas num successivo e di-
verso mundo interno. A sua philosophia, ainda que queira ser a
mesma que a de Omar, forçosamente o não poderá ser. Assim, sem
que deveras o queira, tenho em mim, como se fossem almas, as
philosophias que critique; Omar podia rejeitar a todas, pois
lhe eram externas; não as posso eu rejeitar, porque são eu.


Identificação: bn-acpc-e-e3-1-1-89_0003_2_t24-C-R0150
Heterónimo: Não atribuído
Formato: Folha (27.9cm X 21.7cm)
Material: Papel
Colunas: 1
LdoD Mark: Sem marca LdoD
Datiloscrito (black-ink) : Testemunho datiloscrito a tinta preta.
Nota: , Texto escrito no recto de uma folha inteira de papel de máquina.
Fac-símiles: BNP/E3, 1-2r.1


Edições Virtuais