E nisto mesmo de as considerar irreaes


E nisto mesmo de que as considerar irreaes,
ha que demorar e que reflectir. Ninguem
sabe o que é a realidade, ou por que
modo se define a existencia real
de qualquer cousa, suppondo — o que é
discutivel — que haja qualquer cousa com
existencia real.

          ──────────

A creança, disse Wordsworth, é o
pae do homem.


Identificação: bn-acpc-e-e3-133d-1-100_0073_37-R0150
Heterónimo: Não atribuído
Formato: Folha (21.4cm X 23.3cm)
Material: Papel
Colunas: 1
LdoD Mark: Sem marca LdoD
Manuscrito (pencil) : Testemunho manuscrito a lápis.
Nota: , Texto escrito no recto de uma folha (rasgada pelo lado esquerdo e pelos lados superior e inferior). Apenas Teresa Sobral Cunha inclui este texto no corpus do "Livro do Desassossego".
Fac-símiles: BNP/E3, 133D-37r.1
Testemunhos

Edições dos Peritos


Edições Virtuais