Ha homens que fazem historia


Ha homens que fazem
historia, outros que a
transformam. Vasco da
Gama fez historia; deu ao
mundo o caminho da India
por mar. Napoleão trans-
formou; o mundo depois
da vinda d'elle não ficou
nem mais bello, nem
mais rico, nem mais
cousa nenhuma de positivo.
Ficou mais pobre de
vidas — fraca a gloria
de quem          

Transformou somente
uma familia.

Que deu ele ao mundo:
nada.

Um nome em todo o
seu vazio.

Aos conquistadores da terra é que se pode applicar o epitafio que Keats destinou a si mesmo: Here lies one whose name was writ in water. Sim, que escrever o nome na historia pouco mais é do que escrevel-o em agua.

Quem faz historia não a transcende. Virá o dia em que o nome Napoleão será bem conhecido por ser frequente tema dos versos de Victor Hugo.


Identificação: bn-acpc-e-e3-133c-1-100_0179_87-R0150
Heterónimo: Não atribuído
Formato: Folha (21.5cm X 11.5cm)
Material: Papel
Colunas: 1
LdoD Mark: Sem marca LdoD
Manuscrito (pencil) : Testemunho manuscrito lápis.
Nota: , Texto escrito no recto de meia folha. Apenas Teresa Sobral Cunha inclui este texto no corpus do "Livro do Desassossego". Texto retirado do corpus na edição de 2013.
Fac-símiles: BNP/E3, 133C-87r.1
Testemunhos

Edições dos Peritos


Edições Virtuais